BUERAREMA: O ESPETÁCULO “A HORA DA ESTRELA” ESTREIA NESTE SÁBADO (05), NA CASA DE CULTURA JONAS E PILAR

O espetáculo “ A Hora da Estrela”,  será apresentado neste sábado e domingo, dias 05 e 06 de abril, na Casa de Cultura Jonas e Pilar, às 19h. A peça é uma adaptação escolar da última obra de Clarice Lispector, por Luis Sérgio Ramos.  Dirigido por Gideon Rosa e conta com um grande elenco local. A entreda custa apenas $10 e meia $5.



A história conta as desventuras de Macabéa (Jenyffer Santana) uma imigrante nordestina, que tenta sobreviver na cidade grande. Ela trabalha como datilógrafa em uma pequena firma. Um dia ela conhece Olímpico (George Silva), um operário metalúrgico com quem inicia namoro. Só que Glória (Camilla Nobre), colega de trabalho de Macabéa, tem outros planos após se consultar com uma cartomante (Cristiano Nunes).


A montagem do grupo de teatro “A Tribo, Arte e Sensibilidade” faz parte do Projeto Arte para o Futuro e compõe a programação do mês de maio no Projeto de Ações Continuadas da Casa de Cultura Jonas e Pilar,  com apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia.


Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) – Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais. Para mais informações, acesse: www.cultura.ba.gov.br



As apresentações na Casa ocorrem ainda nos dias 12 e 13 (sábado e domingo) da semana subseqüente.

Elenco:

Bruna Maria – Tia
Bruno Gonzaga - Transeunte
Camilla Nobre (atriz convidada) – Glória
Cleide Jardim – Faxineira
Cristiano Nunes – Cartomante
George Silva – Olímpico
Jenyffer Santana – Macabéa
Rafael Guirra – Seu Raimundo

Trilha sonora: Gideon Rosa
Montagem da trilha: Lucas Rosário
Light designer: José Carlos Ngão
Operador de luz: André Brandão
Operador de som: Gabriel Pereira
Coordenação do Grupo A Tribo: Anderson Andhy